Lau Patrón: As minorias são a maioria

Empresas confundem o olhar necessário para a diversidade com “fazer o bem” para um “nicho” de pessoas. Nicho? 24% da população brasileira tem algum tipo de deficiência, 54% é preta, 51% mulher, 10% LGBTQI+, e esses são só os dados oficiais. As minorias são a maioria. Não é sobre “fazer o bem”. É sobre atender pessoas.  É o que Lau Patrón vai trazer na sua fala no BS Festival 2k19.

Lau é meio brasileira, meio uruguaia, trabalhou como publicitária e produtora audiovisual, é escritora, ativista e profissional da inclusão, e mãe do João Vicente, um menino sorridente e portador de uma síndrome raríssima auto-imune. Vem desenvolvendo projetos de inclusão há cinco anos, acolhendo outras famílias e dividindo sua experiência em escolas, empresas e instituições pelo Brasil. É uma TEDx speaker e atualmente curadora do evento TEDxUsininos, madrinha da ONG internacional BestBuddies, voz por trás da página Avante, vencedora do prêmio Mulheres que Inspiram 2019 e autora do best-seller 71 Leões, seu primeiro livro.

“Vou fazer uma fala sobre a relação superficial das empresas com a questão super complexa da diversidade hoje e como precisamos cambiar isso de lugar. Vou levar números, informações, reflexões e alguns exemplos das minhas andanças por aí. Depois entro um pouco nas questões específicas da pessoa com deficiência, que é um enorme mercado nada explorado – não existem produtos para nós”, destaca.

Não deixa pra última hora! Garanta o seu ingresso para o BS Festival pelo link: http://bit.ly/BSFestival19